Bom-despachense aposta em energia limpa como ótimo negócio

As empresas têm buscado a inovação como forma de sobrevivência e sustentação (ou sustentabilidade) dos seus negócios. A área de meio-ambiente tem se demonstrado como promissora para essas oportunidades. Assim, o bom-despachense Matheus Carvalho, publicitário, formou uma empresa voltada para esse nicho de mercado.

Ítalo – Qual foi a oportunidade de negócio identificada?

Matheus – A empresa atua na área de tratamento de resíduos, através da utilização da tecnologia de plasma. Esta tecnologia se distingue das demais por ser não poluidora e de baixo custo de instalação e operação para o tratamento. A oportunidade de negócio identificada foi a dificuldade no tratamento de dejetos de indústrias que usam água no processo de produção.

Ítalo – Como se formou a empresa?

Matheus – Foi constituída em maio de 2008 e hoje conta com 5 sócios que distribuem suas competências em cada área de gestão de uma empresa de base tecnológica.

Ítalo – Qual o mercado de atuação?

Matheus – o mercado de atuação, inicialmente, é o tratamento de dejetos de suinocultura. O reator que utiliza o processo de purificação a base de plasma alcança um resultado melhor e ainda converte os gases do processo em energia reutilizável.

Ítalo – Como a empresa opera?

Matheus – Atuamos na área de tratamento de resíduo, através da utilização da tecnologia de plasma. Esta tecnologia se distingue das demais por ser não poluidora e de baixo custo para o tratamento de resíduo. A sede da empresa está localizada em Belo Horizonte e com seu laboratório de pesquisas na cidade de Viçosa/MG. Hoje a empresa conta com 5 sócios: Cassiano Reis (Engenheiro Mecânico), Edimar Firmo (Físico), Eduardo Monteiro (Relações Públicas e Sociólogo), Victor Bartholomeu (Administrador), Matheus Carvalho (Publicitário).

Ítalo – Como é a aposta de vocês em Inovação?

Matheus – Apostamos na inovação e oferecer um serviço que atende as novas tendências mundiais de energia limpa. Nossa tecnologia é totalmente pioneira no mundo quando falamos de tratamento de dejetos no meio aquoso, ou seja, de processos de indústria que utilizam água para produção. O produto não é só uma forma inovadora e totalmente limpa de tratar água e sim uma forma de apresentar um serviço com “responsabilidade ambiental”.  Ao atingir essa capacitação no tratamento de dejetos de Suinocultura a empresa está partindo para novos segmentos que também utilizaram o plasma para outras finalidades como: tratamento de rejeitos (mineração, siderurgia, cosméticos, papel e celulose, petroquímica, suinocultura, sucroalcooleiro); Gaseificação de Carvão Mineral, Limpeza de gases na saída de chaminés, Geração de energia, Sala Limpa. A empresa presa pelo conhecimento científico e acredita que novas necessidades mundiais serão resolvidas por ideais que proporcionem a exploração limpa da meio ambiente. Nossa visão: Ser reconhecida mundialmente como empresa capaz de possibilitar a exploração de forma sustentável dos diversos recursos ambientais necessários para o desenvolvimento sócio-econômico da humanidade.

Ítalo – Qual sua percepção de negócios como o de vocês na nossa cidade?

Matheus – Recentemente, a empresa finalizou seu protótipo laboratorial e confirmou a eficácia do produto. Agora procuramos um parceiro para desenvolver o projeto piloto para validação do produto em escala industrial. Como nossa análise inicial foi no dejeto de Suinoculturas, a empresa acredita que em Bom Despacho e região possa aparecer esse parceiro que viabilizará esse projeto piloto. A geração de empregos, para a utilização de mão de obra local, poderá acontecer quando a empresa estiver atendendo alguns clientes. Teremos pontos estratégicos para que a logística funcione perfeitamente e Bom Despacho está entre eles. A empresa nasceu de uma aposta de seus sócios na busca de processos de energia limpa. A empresa não é um produto simplesmente comercial, é sim um ideal, que vai, além disso. Vamos alcançar o modelo de tratamento 100% limpo, que explore o meio ambiente e saiba respeitá-lo.

Para conhecer melhor o processo e a empresa, visite o site: www.ecoplasma.com.br.

Rápidas e Rasteiras:

Compromisso cumprido: noticiamos recentemente que em reunião realizada na Associação comunitária dos bairros São José e outros foi comprometido pela secretaria de Saúde a colocação de mais um médico para atender no posto de saúde São José. A partir da última quinta-feira o Dr. Luis Carlos começou o atendimento na parte da tarde. Agradecemos, em nome de toda comunidade, a Secretária Municipal de Saúde Dr. Joice Quirino pelo compromisso cumprido.

Credesp: foi incorporado pela Credesp a Credicamp (Martinho Campos) isso demonstra que nossa cooperativa de crédito está sólida e em plena expansão o que sem dúvida é muito importante para os negócios de nossa cidade e região.

Irreverência com informação: o radialista Rosemberg Rodrigues não deixa nada a perder para o irreverente colunista da Folha, José Simão. Nosso amigo bom-despachense enche a internet de macaquices engraçadas da nossa “pulítica” e cotidiano. Confiram em seu blog: HTTP://www.bomdespacho-mg.blogspot.com.

Colégio Tiradentes: os alunos do colégio Tiradentes estão de parabéns pela participação ativa nas reuniões da Câmara Municipal demonstrando grande espírito de cidadania e também apresentando sugestões.Convidamos os alunos de outras escolas a também a participarem.

BioEnergia vai unificar as florestas da Arcelor: O grupo ArcelorMittal, maior fabricante mundial e brasileiro de aço, com 8% e 31% de participação, respectivamente, decidiu reunir numa única empresa seus ativos florestais renováveis: plantações de eucaliptos e de produção de carvão vegetal, localizados em Minas Gerais e na Bahia. Esses ativos vão ficar sob o guarda-chuva da ArcelorMittal BioEnergia. As florestas estão espalhadas em oito regiões nos estados de Minas Gerais e Bahia, num total de 21 municípios, dentre os quais Martinho Campos e Bom Despacho (na região Centro-Oeste mineira), Capelinha, Minas Novas, Turmalina, Itamarandiba e Veredinha (no Vale do Jequitinhonha) e Teixeira de Freitas, na Bahia. Texto de Ivo Ribeiro, Jornal Valor Econômico.

Este e outros artigos você encontra no blog HTTP://www.www.italonaweb.com.br

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta