Copa 2014: não irão faltar oportunidades de negócios

Belo Horizonte foi eleita como uma das sedes brasileiras para receber jogos da Copa do Mundo de Futebol de 2014. Em mais uma ação visando aos preparativos para receber os jogos na capital mineira, no dia 5 de junho, na sede da Vice-Governadoria de Minas, o vice-governador Antonio Augusto Anastasia instalou o Núcleo de Gestão das Copas, que reúne dirigentes de Secretarias de Estado, do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) e do Programa Estado para Resultados. Sob a presidência de Anastasia, os integrantes do Núcleo de Gestão das Copas estarão responsáveis pelo planejamento e execução das ações que irão efetivar as condições necessárias para que Belo Horizonte sedie os jogos da Copa das Confederações 2013 e da Copa do Mundo 2014. O modelo de trabalho do Núcleo de Gestão das Copas seguirá a fórmula comprovadamente eficaz do Programa Estado para Resultados e que consiste no estabelecimento de metas com definição de responsabilidades e prazos para seu cumprimento. A atuação dos membros do Núcleo de Gestão das Copas abrange as áreas de infra-estrutura de transporte terrestre e aéreo; infra-estrutura turística; saúde pública; e, segurança pública, entre outras.

As ações incluem a adequação do Complexo Mineirão-Mineirinho e da infra-estrutura de transporte terrestre e aéreo; ampliação da rede hoteleira e da rede tecnológica de informação e a elaboração de um plano operacional para a Região Metropolitana de Belo Horizonte com o objetivo de melhorar a logística, o atendimento dos serviços públicos de saúde e garantir a segurança.

“Vamos dividir em áreas. O primeiro esforço será a recuperação do estádio, que é o local da Copa e que tem de ser a prioridade fundamental. E essa é uma responsabilidade grande do Estado. E, ao mesmo tempo, articulado com a prefeitura e com o governo federal, as questões de mobilidade urbana, do acesso ao Mineirão. Outro grupo vai tratar da questão de infra-estrutura da cidade, hotelaria, restaurantes. Outro grupo, segurança pública. Vamos dividir isso em forças-tarefas. Isso vai congregar um esforço grande do Estado, da sociedade civil, do empresariado de Minas Gerais”, explicou Anastasia.

Em 2014 as obras de duplicação da BR-262 estarão finalizadas (conforme planejamento das empreiteiras), o que vai favorecer a ligação de Bom Despacho com a Capital mineira. Pensando assim, vejamos alguns negócios que poderiam acontecer em nossa cidade:

– confecção de roupas e agasalhos para torcidas

– criação de websites para a Copa

– construção civil e construção pesada

– serviços de consultoria em marketing

– serviços de consultoria em treinamento esportivo

– fabricação de artesanato local com logotipo e caracteres da copa

– fabricação de bandeiras, cornetas, produtos plásticos

– fabricação de embalagens plásticas com as características do mascote

– alimentos para atletas com a embalagem caracterizada

As oportunidades são muitas, variam da prestação de serviços a produtos, para tanto o empresário deve ficar atento ao núcleo criado pelo Governo mineiro e não deixar passar bons negócios.

Este texto contou com trechos retirados do Portal de Notícias do Governo de Minas: http://www.mg.gov.br

Rápidas e Rasteiras:

Sinalização do trânsito da cidade: está sendo feita mais rotatórias e sinalização das faixas em BD. O que é muito importante para motoristas e pedestres. A construção da rotatória próxima ao Posto Piraquara é uma antiga reivindicação da comunidade, próximo dali já ocorreram acidentes, inclusive fatalidades.Tomara que continue por toda a cidade.

Progresso do município de BD: precisamos mobilizar nossa comunidade para procurarmos atrair mais empresas, pois nossos jovens estão sem muita opção de trabalho buscando alternativas em outros lugares. Sobre isso, o Vereador e Empresário Ricardo Alvarenga, comentou recentemente em palestra na Unipac, a quantidade e variedade de empresas que existem em Araújos, não deixando aquele município refém de uma crise em determinado setor da economia.

Crise e problemas climáticos devem reduzir renda agrícola em 3,8% neste ano: estimativa do Ministério da Agricultura mostra que a renda agrícola de 2009 deve ficar em torno de R$ 155,2 bilhões, abaixo dos R$ 161,39 bilhões do ano passado. Se confirmada, a queda será a segunda maior renda registrada desde 1997.

Preço do leite com leve recuperação: o valor médio pago ao produtor mineiro de leite deve registrar, em maio, a quarta alta consecutiva. Em abril, os pecuaristas do Estado receberam o maior reajuste do país, de R$ 0,028 por litro, o que elevou o preço médio do produto para R$ 0,63. A expectativa para maio é de que o preço fique em R$ 0,70, conforme previsão da Comissão Nacional de Pecuária de Leite da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Porém, o adeus definitivo ao tempo das vacas magras está distante. O valor pago ainda não faz frente aos custos de produção, que estão em alta neste período de entressafra. Para o consumidor, que tem pago mais de R$ 2,10 para o tipo Longa Vida Integral, novas altas não estão descartadas.

Nomes de empresas no dialeto da Tabatinga: parabéns aos empresários que ajudam a preservar esse peculiar dialeto. Bons exemplos são os negócios com nomes cambuá, cuête, camunim, mavero. Para saber este e outros significados visite o link WWW.senhoradosol.com.br, nele o internauta irá conhecer um interessante dicionário que contou com a ajuda do Ivã Rodrigues do Couto (Comodoro) e Antônio Benício Cabral.

Entrevistas para o FIES foram prorrogadas: para quem quer estudar e necessita de uma ajuda financeira, a UNIPAC informa que as entrevistas do FIES foram prorrogadas até o dia 19/06/2009. Mais informações pelo telefone:  (37)3521-9562.

Projetos importantes: neste mês ainda a câmara municipal está para votar projetos muito importantes. Dentre eles  o Plano de carreira dos Professores, a lei de diretrizes orçamentárias, o plano plurianual e a resolução dos cargos para o concurso público da Câmara. Participe das reuniões e acompanhe o trabalho dos vereadores.

Lembrete que vale a pena falar sempre: em quem você votou nas últimas eleições para prefeito ou vereador? Independente se o seu candidato foi eleito ou não, o que você tem feito para acompanhar e cobrar das autoridades municipais que elas cumpram o que lhes é de dever?

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br.

Posts Relacionados

One thought on “Copa 2014: não irão faltar oportunidades de negócios

  1. Boa tarde!

    gostaria de pedi uma ajuda, eu preciso fazer um trabalho na faculdade referêntes as expectativas de bons negocios para a copa 2014, se vocês tiverem alguma sugestão que possa me dá, ficarei muito agradecido.

    Desde já agradeço!

Deixe uma resposta