De entregador de jornal a gerente: uma história de determinação que apenas começou

 

Iniciando a série de entrevistas de empreendedores bondespachenses, tive a grata oportunidade de conhecer o advogado Weslei Paulo da Silva, atualmente ele trabalha na agência bancária do CREDESP no Bairro São José. Weslei bacharelou-se em Direito na UNIPAC e depois fez uma pós-graduação no Instituto Izabela Hendrix (localizado em BH) em Processo Penal. Quando ainda era mais jovem, estudou nas escolas Martinho Fidélis, Miguel Gontijo e Colégio Tiradentes. Morou grande parte da sua vida na Rua Cruz do Monte, atualmente mora perto do trabalho no Bairro Jardim América. Sua história de trabalho começou cedo, primeiramente foi entregador de jornal, depois trabalhou em oficina de lanternagem e pintura, concessionárias de veículos, revenda de tratores, casa de materiais de construção e atualmente em agência bancária. Quem quer vai ao longe, vejam só:

 

Ítalo – Quais são as características da população de BD que atrai interesse dos Bancos ?

Weslei – Na minha opinião a estabilidade do nosso mercado interno, com recursos que circulam mensalmente  favorecendo maior liquidez .

Ítalo – Perspectivas e precauções frente a crise mundial, qual sua opinião, o que você tem percebido ?

Weslei – A tal falada crise vem aos poucos mostrando o seu tamanho, as pessoas ainda não se deram conta dela devido estarmos em uma região ainda pouco atingida diretamente  e por isso é bom lembrar que não estamos fora deste contexto, cautela e uma boa política econômica fará bem para que não tenhamos maiores problemas.

Ítalo – Como foi montar uma agência bancária em tradicional bairro residencial da cidade ?

Weslei – Experiência fantástica, pois o apoio da população, dos empresários do bairro e instituições da localidade tal como a Associação de bairros através de seu presidente Ricardo Alvarenga foi de suma importância para a conclusão dos negócios. Lembrando que já era um sonho antigo de todos pois fica cada vez mais difícil o acesso ao centro de nossa cidade. Esse empreendimento somente poderia dar certo com essas parcerias que vem cada dia mais fortalecendo os nosso mercado e o cooperativismo de nossa cidade.

Ítalo – Quais os negócios pequenos e grandes você observa como promissores na cidade ? Quais os cuidados ?

Weslei – Falar sobre os negócios promissores de nossa cidade é muito gratificante, pois vimos grandes oportunidades surgirem através de idéias novas de profissionais extremamente atualizados entrando em nosso mercado. Empresários novos de formação mas de uma bagagem incrível adquirida através de cursos tanto no Brasil quanto no exterior, no que se destaca a construção civil, rede de supermercados, Cursos de graduação e pós graduação, turismo, jornalismo dentre vários outros que vem crescendo em nosso mercado. 

Ítalo – Como você vê as saídas frente a essa crise que se instaurou, gerou desempregos e muitos problemas ?

Weslei – Sou um grande entusiasta das causas a favor de Bom Despacho e sendo assim espero que possamos continuar a trilhar caminhos que sejam encorajadores para a nossa população, investimentos em nosso mercado e acima de tudo confiança em nossos políticos para que possam realmente investir no que lhes foi confiado pela população  de Bom Despacho, fazendo gerar mais empregos e rendas , diminuindo as desigualdades e fazendo com que a nossa terra seja um lugar mais justo e acreditável.

 

Rápidas & Rasteiras:

 

Duplicação da BR262: parece que agora vai. Como o governo tem grande interesse em realizar diversas obras do PAC até o final de 2010 (atualmente são 207 projetos), a duplicação do trecho entre BH e Nova Serrana da BR262 iniciou. No último dia 30 de janeiro, noticiou no MGTV da Rede Globo o início das obras, mostrando pessoas que serão desapropriadas e técnicos de topologia levantando informações do trecho. A expectativa é de 3 anos de obras.

 

Apresentação dos Projetos do Curso Gestão Cultural: o Seminário Final acontecerá nos dias 13 e 14 de fevereiro de 2009, no Museu Histórico Abílio Barreto, em Belo Horizonte. O curso foi promovido pela Arcelor Mittal e teve seu início em 2008.

A prefeitura que se cuide: lendo os jornais da cidade tenho percebido o alto índice de interesse dos seus editores em publicar matérias mostrando à população bondespachense os problemas no município. Isso é muito positivo e mostra uma atitude de cidadania. Vamos criticar e fiscalizar a administração dos vereadores e prefeito, mas vamos também, dentro do possível, apontar alternativas e cobrar do poder púbico a sua implementação.

Roteiros Turísticos em Bom Despacho: a cada semana será publicado no site Senhora do Sol um roteiro para passeios turísticos. As informações foram enviadas pelo ex-secretário de Turismo e Cultura da nossa cidade, Sérgio Guimarães. O primeiro roteiro foi denominado roteiro vermelho, sentido Belo Horizonte, indo por Araújos. Nesse roteiro é possível conhecer: Lajinha, Ilha Paraíso, Funil de Perdigão e a Ponte dos Criolos. Para maiores detalhes basta acessar http://www.senhoradosol.com.br/turismo.php#roteiros. Atualmente o bondespachense Sérgio é supervisor da Belotur na capital mineira.

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br .

Posts Relacionados

One thought on “De entregador de jornal a gerente: uma história de determinação que apenas começou

  1. Estou acompanhando essa crise através dos meios de informação(internet e televisão) e gostei do posicionamento do gerente da CREDESPE Weslei Paulo da Silva .
    Queria Parabenizar o blog pois andei analisando os pots e estão nota 10.
    Descobrir por acaso e acabei gostando.
    Vou acompanhar Os próximos posts.

    Sou estudante do 3º ano do Colégio Tiradentes (BD) e estarei divulgando o Blog para Colegas e amigos.

Deixe uma resposta