Já pensou em chegar nos 71 anos com muita energia?

paul_uai

Cada centavo que consigo nessa vida de Deus procuro investir em 3 coisas: viagem, educação e cultura. Juntei as últimas moedinhas do meu porquinho e fui ao show do beatle Paul Maccartney. Assim, fiquei pensando o tempo todo: o que uma pessoa de 71 anos, montada no burro do dinheiro, com fama, cercado de todos os mimos, coroado pela rainha da Inglaterra como Sir e recebendo milhões de direitos autorais por ano, o que faz ele vir fazer shows pelo mundo inteiro?

Minha única explicação: amor pela profissão e gostar do que faz. E lendo as reportagens do pós-show me comprovaram que minha tese estava certa: o Macca é apaixonado pelo que faz!

Essa história toda começou há um ano mais ou menos. Um grupo do fã clube do Paul Maccartney em BH sabendo que em 2013 ele estaria em BH começou a campanha “Paul vem falar UAI”. Milhares de cartas foram enviadas ao seu escritório em Londres. Uma página no Facebook foi criada, muita gente aderiu a idéia, Paul ficou sabendo, procurou saber sobre Belo Horizonte, gostou da ideia e não é que veio falar Uai? Não somente uai, como Ê trem bão sô , autógrafo agradecendo as garotas do fã clube e muita, mas muita simpatia.

O show foi eletrizante, emocionante, fantástico. Com a ajuda do Felipe (ao invés de darmos carteirada, a Carol deu barrigada e entramos, rs) eu consegui entrar mais cedo e ver toda a produção. A equipe de som e luz trabalhando, o DJ inglês antes do show com músicas dos Beatles, a organização do palco e uma centena de fotos antes, durante e depois.

A seguir alguns depoimentos de amigos fãs do Macca:

“Creio ser uma produção ímpar – os “Beatles” são poucos, infelizmente – que compõe energia, crença em si e nos valores, comprometimento, profissionalismo (começar o show no tempo certo, cumprir um rigorosíssimo cronograma – festa para nós, não para eles, trabalho duro, impecável, sujeito a riscos imensos devido a exposição mundial constante), entre outros fatores que só nos levam a, interminavelmente, aplaudir e continuar aprendendo com Sir Paul. Fantástico!” – Geroge Jamil, Engenheiro, Doutor, Professor, Amigo

“Nada melhor que trabalhar com aquilo que se gosta!” – André Azevedo, Professor, Baterista

“Demais! Para mim, o maior músico vivo, considerando toda a contribuição dele para a humanidade… E o show ontem, pra variar, foi um espetáculo sem comparação…” – Luís Armando, Advogado, Músico

“Bacana, Itinho! É claro que eu estava lá também. Mas tem um outro fator na sua “tese” sobre o PM: a vontade de permanecer entre os grandes da atualidade também, e não só viver do passado, como tantos outros dinossauros do rock (ou da mpb…). Abraço!” – Bruno Carazza, Economista, Mestre

“Inebriada. É como me sinto depois do Show Paul!” – Elivânia Melo, Rotaractiana, Bondespachense

Para fechar: se você tem a idade do Macca (71 anos) ou mais ou menos que isso, está com dificuldades na vida, reclamando de tudo e todos, faça como o amigo beatle, busque algo prazeiroso para fazer, ame isso e seja feliz!

Pense nisso e bons Projetos!

 

Painel

Opinião do Especialista: Como gerar sua própria energia com um “kit Solar plug and play”?

Temos conversado sobre a geração de energia através de painéis fotovoltaicos. Talvez você esteja se
perguntando como poderia fazer para gerar sua própria energia ¿ Isto é complicado¿

Na verdade, desenvolvemos um “Kit Solar – plug and play” que vc pode instalar apenas contratando um
eletricista capacitado em sua região e começar a gerar sua própria energia logo após a instalação do
equipamento.

A grande vantagem desta tecnologia é a praticidade e você gera a energia no próprio ponto de
consumo. Isto cria uma facilidade á toda prova, principalmente se forem locais mais remotos e sem
acesso á rede de energia existente hoje no país.

Seguindo este mesmo conceito, podemos gerar energia para bombeamento de água em locais mais
distantes nas zonas rurais de nosso país. O fato de se evitar o custo com a instalação de cabos elétricos
já é um fator de economia, que favorece uma decisão pela opção de geração solar em áreas remotas e
rurais.

Criminalidade em alta: carro roubado na Praça da Inconfidência, assalto a mão armada e ferido com 2 tiros na Praça da Matriz e por fim, roubo de pagamento de trabalhadores de obra de construção na Praça Antônio Leite. São alguns exemplos mais fáceis de citar que aconteceram na última semana em Bom Despacho. Onde iremos chegar? Como evitar?

Agradecimento: recebei uma carta do Fernando Lamounier, nosso distinto Presidente da Câmara Municipal de Bom Despacho, agradecendo as 2 últimas notinhas sobre o nosso Poder Legislativo publicadas aqui na coluna semanal do JORNAL DE NEGÓCIOS e convidando-me para visitar a Casa do Povo. Vou sim, quero agendar uma fala na Tribuna Livre em breve. Agradeço ao Fernando pela atenção e zelo e saiba que a coluna está sempre aberta para a Câmara Municipal.

 Apoio às Escolas em BD: Amigos Professores e Diretores de Escola de Bom Despacho, estou procurando interessados em promover sua escola no mês de junho na minha coluna semanal no Jornal de Negócios – fizemos um trabalho muito bacana em conjunto com a Diretora Perla Lucas para o Coronel Praxedes e queremos agora expandir para outras escolas de BD. Interessados por favor me enviem mensagem no Facebook ou contato@italonaweb.com.br. Divulguem para seus contatos que sejam professores ou diretores de escolas em Bom Despacho.

educacao

 

Posts Relacionados

2 thoughts on “Já pensou em chegar nos 71 anos com muita energia?

  1. Sucesso ao site . Parabenizo o Gegê da Nó de Rosa . Produtor dos mais competentes do Brasil . Bem vindos a Minas todos os que quiserem . Pena que os “sir ” custaram a entender o valor do Brasil e de sua gente linda , calorosa e especial . Valeu !

Deixe uma resposta