images

Se você estiver lendo este texto tranquilamente em alguma rua do Bairro São Vicente, ou debaixo de alguma árvore na Praça do Bairro Santa Ângela, considere-se um premiado. Isso significa que o mundo não acabou devido a um meteoro do tamanho de meio campo de futebol (meio exagerado, mas pode fazer um estrago considerável), também significa que os católicos fervorosos não entraram numa Guerra Santa procurando novo líder petrino, ou a Coreia do Norte contra os Estados Unidos não iniciaram uma terceira guerra mundial e por fim não nos matamos por um colapso econômico.

Exagero meu? Talvez não, desde o dia que o Tancredo morreu (em 1985), ou dia em que o Collor renunciou (em 1992), não havia vivido uma semana tão intensa e repleta de notícias bombásticas. Calma, pode continuar a ler, vai ficar interessante veja a seguir o que aconteceu desde o último domingo (dia 10/fevereiro).

Renúncia do Papa gerou uma série de especulações. Há 800 anos nenhum outro Papa (representante maior da Igreja Católica) havia se renunciado. Bento XVI volta a ser o Cardeal Ratizenger, o anel do pescador será destruído e um novo anel será feito do mesmo ouro para o Papa a ser escolhido a partir do dia 28 de fevereiro, na ocasião chamada Conclave. Pois bem, segundo Bento XVI (que se emocionou na última missa celebrada na quarta-feira de cinzas), ele deixa o papado por motivos de saúde e por não conseguir levar adiante os dogmas da Igreja da forma que se pede a um líder de tão alta grandeza. Especula-se fortemente que problemas com o Banco do Vaticano e escândalos sexuais envolvendo altas patentes da Igreja seriam outros fortes motivadores. O tempo dirá, contará, teremos filmes (já tem um, acredita?), enfim, quem viver verá.

Um asteroide de 45 metros de diâmetro e 135 mil toneladas vai passar perto da terra a 15 de fevereiro, mas sem risco de colisão com a Terra, assegurou na quinta-feira a NASA, agência espacial norte-americana. Este é o objeto com maior dimensão a passar tão perto da Terra alguma vez detectado, acrescentou a NASA, citada pela AFP.O asteroide, chamado 2012 DA 14 e detectado em fevereiro do ano passado, vai passar a 27.700 quilômetros – um décimo da distância entre a Terra e a Lua -, às 7.24 horas, do oceano Índico, leste da costa da Sumatra, Indonésia, a uma velocidade de 7,8 quilômetros por segundo. “O asteroide vai passar a uma distância extremamente baixa, mas o suficiente para concluir a sua trajetória sem risco de colisão com a Terra“, garantiu Donald Yeomans, da NASA

Antes de falarmos do teste nuclear da Coreia do Norte nesta semana, vamos tratar rapidamente de Tecnologia Aeroespacial e uso militar. Pois bem, no final da Segunda Grande Guerra, dizem as más línguas (as boas também falam isso) que os americanos ficaram com os cientistas de Hitler e os russos com os projetos e os protótipos, tudo isso relativo a uso de foguetes e bombas de alto poder destrutivo. O que importa é que os dois países se despontaram, depois vieram outros como França e Japão, hoje em dia a China, o que importa é que temos um grupo seleto de 7 nações que detém tecnologia para colocar uma bomba na ponta de um foguete e mandar em outra nação (o Brasil tem projetos de foguetes, já lançou alguns e até 2025 vai colocar um satélite em órbita). Voltando ao assunto, a Coreia do Norte realizou na manhã dessa terça-feira seu terceiro teste nuclear, em um claro desafio à comunidade internacional e a seu principal aliado externo, a China. O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) fará uma reunião de emergência ainda hoje para decidir como reagir ao novo movimento do regime mais isolado do mundo. A explosão provocou um abalo sísmico de 4,9 pontos na escala Richter, detectado pelos serviços geológicos de vários países. O epicentro foi próximo ao local em que a Coreia do Norte realizou seus testes nucleares anteriores, em 2006 e 2009.

O Colapso Econômico: você está preparado para a próxima grande depressão da Economia Mundial? Assim é o site de abertura do blogueiro Michael (ele apenas assina o primeiro nome), americano, formado em Comércio e Direito, já trabalhou em grandes empresas em Washington. No seu artigo, com o título da frase de introdução deste parágrafo, ele levanta uma série de argumentações de como a Economia Mundial continua capenga e como a próxima onda de azares será duradoura e muito mais danosa que a de 2008. Ele questiona o motivo pelo qual muitos analistas de Wall Street que haverá um novo período de turbulência. Verdade ou não, entre escolher ser formiga ou cigarra, o momento parece nos pedir para sermos mais formiga.

E assim caminha a Humanidade, tudo indica que teremos um 2013 agitado.

Pense nisso e bons projetos!

PS: quando éramos jovens no Bairro São José fabricamos pólvora, rádios para interferir nos vizinhos e papagaios (pipas) que transportavam objetos para lançar na vizinhança (a grosso modo eram protótipos dos drones de hoje). Um de nós virou engenheiro, outro médico e outro cientista da computação, ainda bem que não nos alistamos no serviço militar, era perigoso potencializar esse nosso lado armamentista.

 

Painel

Blocos de carnaval: tanto em Belo quanto em Bom Despacho, o grande espetáculo das festas carnavalescas aconteceu com os blocos de carnaval. Em BD participaram mais ativamente: Bloco do Quenta Sol, Bloco do Larguinho e Bloco Café com Leite. Se estiver me esquecendo de algum, me informem que vamos divulgar aqui. Em geral foi muita festa, respeito, alegria e amizade. Parabéns aos organizadores!

Começou de vez: no Brasil tem-se o terrível costume de muita coisa se decidir após o Carnaval, agora não tem jeito, o ano começou mesmo.

Jobson e o CREA-MG: o presidente da entidade sediada na capital mineira está a todo vapor com sua equipe. Uma das grandes ações foi a criação da Câmara Mineira de Arbitragem para tratar de impasses em obras e contratos de Engenharia e Construção.

Juventude: esta semana as Paróquias em Bom Despacho lançaram a Campanha da Fraternidade 2013, tendo por tema “Fraternidade e Juventude”, e por lema “Eis-me aqui, envia-me!” (Is 6,8).

Participação de adultos no Escotismo: os adultos que atuam na ÁREA TÉCNICA são chamados ESCOTISTAS, pois atuam diretamente nas seções escoteiras como Chefe ou Assistente. É considerado área técnica por oferecem o apoio educativo, assegurando para que o Propósito do Escotismo seja alcançado. Muito mais do que simples líderes, são os responsáveis em administrar uma visão de futuro, motivar e gerar compromissos entre os jovens.

São as seguintes as funções em que um adulto pode se incorporar a um grupo escoteiro como escotista:

  • Chefe de Seção (desenvolve a função de dirigir determinado grupo de jovens da mesma faixa etária);
  • Assistente de Chefe de Seção (desenvolve basicamente a função de auxiliar do chefe de seção);
  • Instrutor (auxíliar eventual com conhecimento prático em alguma assunto específico, que contribui, em colaboração com a chefia da seção, para o treinamento, a orientação e avaliação dos jovens).

DSC00484

Foto: atuação de adultos entre os escoteiros em BD

Opinião do Especialista

 
ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL :  o que é?

O texto a seguir é para alunos que estão no final do Ensino Médio e se preocupam em escolher uma profissão. Mas serve também para profissionais já formados que ainda buscam seu espaço.
Qual a profissão a seguir? Qual carreira vai me dar prazer e os resultados que eu quero? São perguntas comuns quando escolhemos com que trabalhar, qual profissão investir. Orientação Profissional é um processo no qual o orientador/profissional de psicologia propicia experiências para que a pessoa reflita sobre si mesmo e as áreas profissionais em que poderia atuar. É um programa de atividades voltado à facilitação da escolha da profissão ou do encontro de uma nova opção no mundo ocupacional. Busca o conjunto de qualidades ou características pessoais que predispõem uma pessoa a sair-se bem em determinadas atividades. O indivíduo busca se autoconhecer e escolher. O que ele pode fazer bem, e o que ele deseja fazer.
O orientador é um coadjuvante no processo, ele procura propiciar experiências e trazer novos elementos para o indivíduo avaliar, considerar e posicionar. Trata-se de uma construção conjunta, realizada pelo indivíduo com o orientador, que tem por objetivo final conseguir a tomada de decisão do indivíduo sobre a opção ocupacional e a idealização de um plano de carreira. A Orientação Profissional é dirigida ao indivíduo ( universitários, vestibulandos, adultos em todas as fases do ciclo produtivo, aposentados, portadores de necessidades especiais, egressos de hospitais que necessitem reoptar o trabalho, desempregados etc) em qualquer idade, desde que ele tenha uma questão profissional a pensar, e não só aos vestibulandos.
Precisamos lembrar que habilidades que não tenhamos ainda desenvolvido podem ser desenvolvidas se delinearmos metas para alcançá-las em que necessitamos de outras competências. Quando o indivíduo está aberto a aprender, muitas outras portas podem se abrir. Precisamos, também, tomar cuidado para não deixar-se influenciar por profissões que estão na moda, pois cada pessoa é singular e pode ter interesses particular.
Recorrer a uma Orientação Profissional pode ser muito útil! É a própria pessoa, com alguma participação do seu orientador, que poderá definir o caminho a seguir. Afinal quem vai passar grande parte da vida nessa atividade é você.  Investir em si mesmo pode ser uma alternativa segura para uma construção de uma carreira produtiva, interessante, feliz e de sucesso.

Fale com o Especialista: Cláudia Mara Pessoa – psicologajornal@yahoo.com.br

Posts Relacionados

Deixe uma resposta