O Livro do Vazio (parte 4 de 4)

Estivemos aqui em 4 encontros, apresentando os cinco anéis que levam ao exercício da estratégia empresarial. É claro que não tivemos como nos aprofundar, fica a dica de uma leitura mais apurada ao final dessa última parte.

Por último, há o livro do Vazio, que segundo Musashi é um termo que ele usa para designar aquilo que não tem começo nem fim. Ao entender esse princípio, significa que não estamos atendendo o princípio, e assim como foi dito no capítulo do Fogo, os princípios devem ser entendidos internamente, com o coração, e não seguidos à risca, sendo assim, a partir do momento que não entendermos o princípio, mas sim sentirmos e vivenciarmos, percebendo que todas as coisas estão interligadas e que o Caminho é um só, lá estará o Vazio, “quando a atitude se tornar não-atitude e a espada se tornar não-espada”, como encontramos no livro da Água, ou seja, quando agirmos livre de ânsia de resultado e com propósito desembaraçado. (“Pois vontade pura, desembaraçada de propósito, livre de ânsia de resultado, é toda via perfeita”).

Monumento ao duelo dos dois grandes samurais na ilha de Funajima

“Por Vazio entendo o que não tem princípio e não tem fim. Atingir este princípio significa não atingir este princípio.O Caminho da Estratégia é o Caminho da Natureza. Quando se consegue aprender a força da natureza, conhecer o ritmo de qualquer situação, consegue-se atacar o inimigo naturalmente e golpear naturalmente.” (Miyamoto Musashi).

Para quem conhece o Programa 5S, sabe que o último senso trabalhado na empresa, com o objetivo de organizá-la e prepará-la para um trabalho mais produtivo, é o senso da Disciplina. O que o autor chama a atenção é a importância de ter a rotina das ações de estratégia e que elas ocorram em um ciclo virtuoso, muitas vezes sem a própria noção do empresário e seus comandados.

Escrito no século XVII, esse livro continua sendo referência para os homens de negócios e de marketing do Japão. É considerado um dos melhores guias psicológicos de estratégia, excelente para profissionais que precisam impor sua marca por meio de campanhas e táticas de vendas no competitivo mercado de hoje.

Mais informações pelo livro “O Livro dos 5 Anéis: o Clássico Guia de Estratégia”, editado pela Madras e que pode ser adquirido em sites da internet que vendem livros, como por exemplo o Submarino.

Acompanhe:

11/Nov: O Livro dos Cinco Anéis

21/Nov: O Livro da Terra e O Livro da Água

05/Dez: O Livro do Fogo e O Livro do Vento

19/Dez: O Livro do Vazio

Rápidas e Rasteiras:

Caged aponta Minas Gerais como segundo maior gerador de empregos: no interior de Minas Gerais foram gerados 76.645 postos de trabalho. Entre os dez primeiros municípios com maior taxa de expansão do nível de emprego no ano estão Brasília de Minas (25,73%), Nova Serrana (21,83%), Salinas (21,29%), Minas Novas (18,14%), Diamantina (11,77%), Formiga (9,97%) Espinosa (9,96%) João Pinheiro (9,93%), Caeté (9,05%) e Bom Despacho (8,15%). No mês de novembro foram criados 246.695 mil novos empregos no Brasil, recorde histórico para o período, segundo dados do Caged. O número é o dobro do recorde anterior, de novembro de 2007, quando foram abertos 124.554 postos de trabalho formal no país. Ao longo do ano, foram gerados 1.410.302 empregos. Cinco dos oito grandes setores de atividade econômica apresentaram saldo recorde, incluindo seis subsetores da indústria de transformação.

Empresa busca parceiros para jazida de potássio: a empresa Geopesquisas Ltda., de Minas Gerais, está buscando parceiros para um projeto de aproveitamento de uma grande reserva de Verdete, minério silicatado de potássio que se diferencia pela cor verde (daí o nome), localizada nos municípios de Quartel Geral e Serra da Saudade, ambos em Minas Gerais. De acordo com o engenheiro de minas David Dequech, responsável pela pesquisa, a área contém reservas de aproximadamente 218 milhões de toneladas, das quais 144 milhões t são medidas, com teor médio em torno de 10,56% de K2O.Trata-se de uma jazida aflorante, com distribuição homogênea de teores e “baixíssima relação estéril/minério”, possibilitando a extração através de lavra a céu aberto, com uma profundidade máxima da cava de 50 metros. Para aproveitamento do minério, o objetivo da empresa é produzir termofosfato de potássio e neste aspecto a jazida possui um ponto favorável, já que está localizada a pouco mais de 100 km de Araxá, onde existe grande disponibilidade de fosfato. Mais informações em www.geopesquisa.com.br.

ADEFÍS-BD homenageia secretário de obras: a Associação dos Deficientes Físicos de Bom Despacho prestou no último dia 14 homenagem ao Secretário de Obras, o Engenheiro Marco Aurélio Gontijo Santos, pelo apoio dado a acessibilidade com obras e no Trânsito da cidade. Em sua homenagem o presidente da ADEFÍS–BD, Betinho disse que o Secretário Marco Aurélio Gontijo recebeu esta homenagem “por reconhecer a necessidade de todo deficiente físico, o direito de ir e vir”. Marco Aurélio ressaltou que para 2010 está empenhado, em fazer de Bom Despacho um exemplo de cidadania e respeito aos portadores de deficiência física e que as obras de acessibilidade continuarão em toda a cidade, citou também algumas que já foram realizadas como as rampas em toda a Praça da Matriz, vagas para deficientes no centro da cidade, no TRE – BD, no cemitério novo entre outras.

Na foto: Betinho (presidente da ADEFÍS-BD e o Eng. Marco Aurélio

Natal solidário: sucesso absoluto a realização do natal solidário no último dia 13/12 nas dependências do SESC. Mais de 800 crianças tiveram momentos inesquecíveis com brinquedos, sanduíches, refrigerantes, pipoca, algodão doce,etc. Parabéns a todas as instituições que se uniram para proporcionar alegria e entretenimento a essas crianças de nossa cidade.

Credibom: sem dúvida a instituição vem desenvolvendo um extraordinário trabalho em nossa cidade como uma carteira de clientes crescente. Administrada com seriedade e profissionalismo já é umas das principais cooperativas de Minas Gerais.Nossos cumprimentos a toda diretoria ,destacando o gerente geral Pedro Adalberto da Costa  que sem dúvida com toda sua experiência e dedicação desenvolve um relevante trabalho.

Câmara Municipal: foi realizada a eleição para presidente da casa, onde o vereador Roberto Gontijo foi eleito com 6 votos e o vereador Ricardo Alvarenga obteve 3 votos. Nossas saudações ao Roberto, sucesso na condução desse instrumento de fiscalização do executivo e que seja em seu mandato a voz do povo bondespachense.

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta