A-Visita-do-Papa-Rede-Globo

Papa Francisco veio ao Brasil para a Jornada Mundial da Juventude e mostrou como se pode liderar com simplicidade e firmeza. Perguntado sobre o uso de um carro popular (era um Fiat Idea de talvez R$45 mil, nem tão humilde assim) ele respondeu que outros religiosos deveriam sim ter carro para se deslocar na sua paróquia, porém nem tanto luxo assim.

O seu xará São Francisco foi convidado certa vez a reconstruir a Igreja do Cristo. Pensou que se tratava de uma capela que estava derrubada nos arredores de Assis. A verdade é que a reconstrução seria da Igreja Católica e sua imponência.

Papa Francisco tem seu nome não é atoa. A Igreja passava por momentos turbulentos, acusações de pedofilia, abusos sexuais, roubos milionários e queda no número de fiéis. Somente no Brasil 10 anos atrás eram 75% de Católicos, agora são quase 58%.

O que o líder de um Estado (o Vaticano) e representante de uma grande religião tem a nos ensinar? O que tem a ensinar aos seus liderados (padres e párocos)?

Em minha opinião a sua posição de sempre solicitar ao final de suas apresentações para que rezemos por ele, isso é um grande ato de Humildade, o líder servidor e que é como nós, sofre das mesmas amarguras e vibra com as conquistas.

A mensagem do Papa Francisco para os jovens brasileiros é que botem fé no Cristo e não deixem de ser revolucionários, mas principalmente não se deixem levar por falsas promessas (drogas e capitalismo irracional, por exemplo).

Enfim, Francisco veio ser instrumento de Paz e conduzir a Igreja do Cristo para novas direções de um novo mundo já descortinado diante de muitos.

Painel

#fotobd

1002754_347230445380247_2017827108_n

Fotógrafo: Elmo Rabelo (Ponto do Frango), da janela do Prédio do Sétimo Batalhão, o contorno da grama mostrando o mapa das Minas Gerais.

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta