Prêmio Prefeito Empreendedor 2011: estamos valorizando a micro e pequena empresa da cidade?

 

Toda prefeitura deve primar por trazer novos investimentos para a cidade, promover a organização e a sustentabilidade de atuais e novos negócios, cuidar de suas empresas micro e pequenas, enfim, dar atenção constante para o que gira sua economia. Os impostos trazidos das empresas são importantes, mas não mais importantes do que a renda desenvolvida localmente e o profissionalismo de negócios informais.

O SEBRAE, atento a esses movimentos, lançou nesta quarta-feira (11) a 7ª edição do prêmio Prefeito Empreendedor durante o segundo dia da XIV Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, conhecida como Marcha dos Prefeitos. Mais de 4 mil pessoas participarão até amanhã do encontro, promovido pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) no hotel Royal Tulip. A divulgação dos vencedores acontecerá na Marcha de 2012.

 

O Prefeito Empreendedor reconhece a capacidade administrativa dos gestores que elaboraram os melhores projetos e implantaram ações em favor do desenvolvimento de micro e pequenas empresas em seus municípios. A expectativa é que 1,3 mil prefeitos se inscrevam neste ano.

 

“O prêmio pretende identificar boas práticas no apoio à micro e pequena empresa, valorizá-las e divulgá-las”, disse o gerente de Políticas Públicas do Sebrae, Bruno Quick, que apresentou o regulamento da premiação nesta manhã. “As boas práticas têm que ser reconhecidas, estimuladas e duplicadas”, completou o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.

 

A inscrição é gratuita e pode ser feita apenas em meio eletrônico. Os interessados devem acessar este site, preencher um formulário de inscrição, imprimi-lo, assiná-lo e enviá-lo ao Sebrae no estado mais próximo em envelope lacrado com duas declarações dos empreendedores beneficiados. O prefeito ou administrador pode ainda enviar fotos do projeto inscrito e material ilustrativo.

 

Mais em www.sebrae-mg.com.br .

 

Fonte: SEBRAE-MG

 

Rápidas e Rasteiras:

IPTU 2011 – Secretário de Arrecadação e Fiscalização esclarece: “[…] Fiquei sabendo, hoje (30/abril), lendo sua coluna, onde diz que até o fechamento de seu artigo não havia manifestação do Município.  Mistério? Não. A base de cálculo do IPTU é o VALOR VENAL DO IMÓVEL – verifique em sua guia de IPTU se o valor venal de seu imóvel está acima do valor real, caso esteja procure o setor de cadastro para revisão, se não estiver com o valor venal em excesso, significa que o desconto de 20% é um desconto real, concedido desde os tempos de inflação alta, que o Município de Bom Despacho não revisou para os tempos atuais, como fez o Estado de Minas Gerais com relação ao IPVA, onde o desconto de 10% caiu para 3%. Quem tinha um IPVA de R$100,00, com o desconto de 10% pagava R$90,00, atualmente, quem tem um IPVA de R$100,00 passou a pagar R$97,00 à vista – um aumento de 7,77% para quem paga a vista. Para os que pagavam a prazo não houve alteração. Caso o Municipio de Bom Despacho adote o mesmo procedimento do Estado, o valor a pagar de IPTU será mais caro para todos, proporcional à redução do desconto, pois a base de cálculo do imóvel não estando acima do real esta base permanecerá a mesma para o cálculo do IPTU. É o caso de perguntar a todos os contribuintes do IPTU se concordam com a “redução” dos juros através da redução do desconto de 20%?. Reduzindo o desconto para os mesmos 3% do Estado (colocando os juros compatíveis com o momento atual), o IPTU, para quem paga a vista ficaria assim: quem tem um IPTU de R$100,00 (base de cálculo do imposto correta conforme a lei), com o desconto de 20% paga R$80,00, com a mudança, quem tem um IPTU de R$100,00 passaria a pagar R$97,00 à vista – um aumento de 21,25% no caso de pagamento a vista. Para os que pagam a prazo não haveria alteração no valor do IPTU.” Respondeu Paulo Sérgio Teixeira Leite, secretário municipal de Bom Despacho.

Conferência do Rotary: do dia  12 ao dia  15 de maio acontece em Patos de Minas mais uma Conferência do Rotary Internacional. Trata-se de uma oportunidade para que os clubes rotários que compõem o Distrito 4760 possam apresentar suas atividades desenvolvidas durante o ano. Bom Despacho marca presença com os representantes do Rotary Club Bom Despacho e o Rotary Club Bom Despacho-Arraial.

 

Inclusão Digital: estão previstas para início de junho as inscrições para os interessados em participar das aulas de informática oferecidas pelo programa de inclusão digital. Neste ano o programa está com um atraso devido a necessidade de se fazer um processo seletivo para os instrutores do curso. Fiquem atentos quando iniciarem as inscrições para garantir sua vaga.

 

Audiências de Saúde: as reclamações referentes a Saúde não param de chegar,são diversas e muitas das vezes falta um melhor esclarecimento. É preciso que a comunidade saiba usar esse instrumento legal e importante que são as audiências públicas de saúde participando ativamente levando seus problemas e suas sugestões para melhorar o sistema público.

 

Sacola ecológica com notícia: você já pensou em fazer compras e se atualizar com as notícias da cidade? Uma sacola ecológica de papel Kraft tem condições de expor informação e patrocinadores, ganha todo mundo, mais ainda o meio-ambiente. Fica aqui a sugestão para os empresários donos de supermercado de nossa cidade.

 

 

Alô da semana: vai para 2 empreendedores do ramo de tele-entrega em BD, para o Abílio e para o Pê. Primeiro parabéns pelo atendimento e alto nível de seus produtos, segundo um puxão de orelha (se me permitirem) pela atuação irresponsável dos seus motoqueiros que fazem entregas pela cidade. Vez e outra topo com eles em manobras arriscadas e desrespeitando o trânsito. Pode ser feito algo educativo e orientativo? Penso que sim, está nas mãos de vocês empresários e população que deve denunciar para os proprietários esses atos perigosos.

 

Este e outros artigos você encontra no blog HTTP://www.www.italonaweb.com.br

 

Contatos para esta coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br.

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta