Um pizzaiolo bondespachense na capital das Gerais

Esta semana entrevistei um conterrâneo que mora em BH e do qual era cliente sem saber. Explico melhor, nas noites em que aquela fome vem juntamente com uma preguiça enorme de sair de casa, tenho o costume de pedir uma pizza, coincidentemente de uma rede de pizzarias onde o dono é bondespachense. O entrevista é o empresário José Cardoso Sobrinho, apelido Pururuca, filho de Romeu Cardoso e Rosa Maria de Souza. Ele estudou no Colégio Comercial e Tiradentes, de uma família de nove irmãos. Romeu Cardoso e seu filho Oscar Cardoso (Caveira), abriram um comércio de tecidos e confecções na avenida Dr. Miguel Gontijo há de mais de 30 anos. Em 1973, o Cardoso mudou-se para BH, trabalhou no Banco BMG e cursava pré-vestibular. Tendo trabalhado no ramo de construção civil e no ramo de confecções por vários anos. Em 1994, juntamente com seu cunhado Moacir Alberto e seu amigo Ronan, fundou a PIZZA BURNET´S, inicialmente com a matriz no bairro Pampulha.

Ítalo – Como foi idealizado o negocio de delivery de pizzas ?

Cardoso – Após algum tempo dedicado á pesquisas, que incluíram viagens á feiras de franquia em SP e diversas reuniões, optamos por investir no segmento de delivery, até então incipiente em BH, inaugurando a PIZZA BURNET´S, pizzaria voltada para a entrega em domicílio. Desenvolvemos os fornecedores, escolhendo entre as marcas mais conceituadas, visitando-os nas cidades onde produziam os insumos utilizados.

Ítalo – Houve participação de consultorias ?

Cardoso – Estabelecemos vínculos com consultores que desenvolveram a marca, a forma de atendimento, o material publicitário e a seleção e treinamento dos profissionais envolvidos, sendo que, um dos seus diferenciais é somente contratar pessoas sem experiência no ramo, que pudessem, desta forma, serem treinadas dentro de padrões rígidos de qualidade. Este padrão levou anos até ser consolidado, pois foi sendo desenvolvido juntamente com o crescimento da empresa e envolveu todas as fases do processo produtivo, desde a escolha dos fornecedores, o recebimento dos insumos, seu processamento e armazenamento, chegando á montagem final do produto. Para tanto, contamos com o apoio permanente de profissional de nível superior em nutrição que, até hoje, acompanha detidamente todas as fases do processamento na empresa.

Ítalo – A abertura de novas lojas foi um marco na constituição do negócio?

Cardoso – Com o objetivo de ampliar sua presença no mercado de BH, foram sendo abertas unidades em locais estratégicos, todos dentro do mesmo padrão de qualidade, tanto em relação ao produto, quanto em relação ao atendimento e política de preços e de marketing. Hoje, a rede conta com sete unidades distribuídas ao longo de BH e contagem (eldorado), contando com cerca de 130 colaboradores, gerando empregos diretos e indiretos e impostos.

Ítalo – O que foi o diferencial do seu negócio?

Cardoso – Além da qualidade dos insumos adquiridos sempre dos melhores fabricantes, e do atendimento localizado e personalizado que oferece cada uma das unidades, tem-se o segredo da massa: feita com ingredientes nobres e em proporções adequadas ao delivery: uma pizza leve, fina e crocante.

Ítalo – BD comportaria uma loja da sua rede?

Cardoso – Acreditamos que Bom Despacho aceitaria muito bem uma unidade nossa, uma vez que seus consumidores são exigentes e sabem valorizar produtos e atendimento de qualidade, que são a nossa marca. Sabemos disto porque contamos com inúmeros bondespachenses entre nossos clientes em BH.

Ítalo – Os negócios foram abalados pela crise financeira mundial?

Cardoso – A crise financeira internacional atingiu a todos os setores econômicos indistintamente. Porém, sentimos que já está ocorrendo uma reversão das expectativas, o que tem ficado claro em nossos negócios.

Rápidas e Rasteiras:

Iluminação Pública : nossa cidade anda sofrendo com a falta de iluminação pública em várias ruas de diversos bairros o que anda gerando muito transtorno para a população principalmente a insegurança. Esse assunto vem sido debatido constantemente na câmara municipal. Enviem para o contato desta coluna reclamações sobre iluminação pública. Toda mensagem deve ser encaminhada de nome, endereço e telefone de contato.

Santa Casa recebe recurso: O Deputado Federal Jaiminho Martins cumpriu uma promessa feita no ano passado viabilizou a liberação de R$450.000,00 (quatrocentos e cinqüenta mil reais) para a Santa Casa, através do Governo Federal, que deverão ser utilizados para a aquisição de equipamento e material permanente de atenção especializada em saúde e estruturação de sua unidade.

Apresentação do Escoteiro: venha participar da apresentação sobre Escotismo no dia 9 de maio de 2009, no campo-escola do 88º Grupo Escoteiro Bom Despacho. Será às 15hs, no Horto Florestal do 7º BPM – Vila Militar, acesso pela Igreja Santa Efigênia. Bom Despacho. Será uma ótima oportunidade para conhecer melhor as atividades e realizações do grupo.

Alô para os leitores: meu alô vai para o José Antônio Melatto Júnior, o Biscoito, amigo de infância, que aniversaria neste mês de maio. Além do mais aproveito para agradecer a todos que têm lido e comentado a minha coluna. São amigos e pessoas desconhecidas que nos encorajam a cada semana colaborar com nossa cidade de alguma forma.

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br .

Posts Relacionados

Deixe uma resposta