Valor de utilidade: preço justo – parte 2 de 4

Quanto custa uma caixa de fósforos? Quanto custa uma caixa de fósforos se você estiver numa ilha deserta e precisando aquecer um alimento?

Um camarada, chamado Adam Smith, no seu livro “A Riqueza das Nações”, século XVIII, já dizia que existe uma mão invisível que regula a lei da demanda (alguém ou alguma empresa que precisa consumir determinado produto ou serviço) e da oferta (uma pessoa oferecendo os seus serviços ou uma empresa vendendo o que produz). Assim, se determinado produto falta no mercado e existe uma procura maior, a tendência é que o preço desse produto fique elevado. O contrário também é válido, se tem muita gente ofertando um determinado serviço e a demanda por ele é menor, o preço de venda desses profissionais será menor.

Outro famoso economista já dizia que nossa população cresce numa progressão geométrica e a capacidade de produção de alimentos em progressão aritimética. Assim, a tendência é que os bens fiquem cada vez mais escassos, obrigando a toda a população mundial a repensar hábitos, costumes e o mais grave, o capitalismo pode entrar em colapso causando crises imensamente maiores àquela que vimos em 2008 e 2009.

A proposta de praticar o trade fair, ou comércio justo, não é nem de longe recente, remonta às antigas civilizações, onde não existiam moedas e tudo era na base da troca. Quer um exemplo próximo da gente? O Rosemberg contou recentemente em seu blog que seus bisavôes produziam praticamente tudo na sua fazenda, vindo à cidade para trocar seus produtos por querosene e sal.

Não estou falando de excambo, troca de mercadorias. Estou falando mais além disso, se um produto vale R$100,00, por que cobrar R$200,00? Oportunidade? Pressão do mercado? Pressão por parte de uma legislação ultrapassada?

Cobrar por um produto ou serviço pelo o que ele vale, pelo seu valor de utilidade. Será que assim faremos com que os recursos naturais sejam melhor aproveitados? Poderiamos ter mais empregos? O meio-ambiente não seria tão afetado? Penso que não é utopia, já que muita gente já vem apregoando esse dogma há muitos anos.

“Assim, o mercador ou comerciante, movido apenas pelo seu próprio interesse egoísta (self-interest), é levado por uma mão invisível a promover algo que nunca fez parte do interesse dele: o bem-estar da sociedade.” Adam Smith, 1776.

Próximos artigos:
– Rede de parcerias: dividir o bolo (20/março)
– Comunidade e rede de contatos (03/abril)

Rápidas e Rasteiras:

Dia D da limpeza: será realizado neste domingo dia 07/03 um mutirão da limpeza em toda a cidade. Ocorrerá de 08 às 17 horas, onde será disponibilizada toda a frota municipal para coletar o que pode ser foco de dengue. A população deverá colocar esses materiais na porta de suas casas. É hora de fazermos nossa parte!

Bom Despacho na mídia: “Bom Despacho investiga morte por dengue hemorrágica”, esse é o título da matéria do dia 03 de março, de Simone Lima (repórter do Estado de Minas) que explica a suspeita de ter sido dengue hemorrágica que matou uma jovem de 28 anos. Ela veio a falecer na Santa Casa, triste coincidência, segundo moradores próximos a Santa Casa, os fundos da mesma estão cheio de mato e lixo. Pergunta: quem é o dono deste terreno? Ele sabe que custa uma mixaria para capinar e limpar? Quanto custa uma vida?

ABAP: foi realizada na semana passada a eleição para nova diretoria desta tão importante instituição de nossa cidade que atente a centenas de crianças proporcionando a elas expectativa de um futuro melhor.Foi reeleito para presidente o atuante Antônio Dimas e a diretoria ganhou sangue novo, como a profissional em serviço social, Libéria do Carmo Gontijo, que assumirá a vice-presidência da entidade. Outro bondespachense que apoiará como voluntário é Vicente Anacleto. Veja o trabalho da ABAP na internet, acesse http://www.bomdespachomg.com.br/abap.

Bom Despacho 100 Anos: na última reunião da Câmara Municipal foi aprovado um requerimento de autoria do Vereador Ricardo Alvarenga solicitando ao prefeito municipal a formação de uma comissão organizadora para tratar dos assuntos relativos ao centenário de nossa cidade sorriso.Trata-se de uma medida necessária para começar os preparativos para as atividades a serem desenvolvidas durante todo ano de 2010.

Martinelli Motos: outra grande empresa sediada em nossa cidade atentendo a toda região na comercialização de motos. Além de empregadora, destaca-se pelo seu bom atendimento, bem como a qualidade de seus produtos.Parabéns aos diretores e colaboradores dessa importante empresa.

Carta do Leitor I: “…queria em nome de toda a equipe que organiza o RETIRO MARANATHÁ, agradecer a você Ítalo por ter dado espaço para o MARANATHÁ. É com enorme gratidão e simplicidade, que venho agradecer a você neste pequeno e-mail. A nossa missão é evangelizar os jovens de Bom Despacho de um jeito jovem de ser. […] acontece há cinco anos e já mudou muitas historias. Muito obrigado por se lembrar de nós.” – Diego Augusto, via Internet.

Carta do Leitor II:“… acompanho sua coluna no Jornal de Negócios. Você sempre traz informações interessantes e aborda assuntos importantes.Continue assim…” – Ulisses Lopes da Cunha, via Internet

Dia das Mulheres: dia 8 próximo é comemorado o Dia Internacional da Mulher. Queria homenagear a principal mulher da minha vida, que me deu tudo, minha mãe Ana Maria. Pela homenagem a ela quero cumprimentar todas as mulheres bondespachenses, sempre independentes e guerreiras, parabéns pelo seu dia.

Para refletir: “Até os erros podem nos levar à verdade”. A frase é atribuída a Jalal ud-Din Rumi, poeta que tem sido aclamado por muitos estudiosos ocidentais como “o maior poeta místico de todos os tempos”.

Este e outros artigos você encontra no blog HTTP://www.www.italonaweb.com.br

Ítalo Coutinho é Professor e Coordenador do Curso de Gestão Estratégica de Projetos e Empreendimentos da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta