Vila Militar, um apelo pelo seu tombamento

Natal de 1987, estávamos eu e meu irmão próximo ao coreto da Vila Militar, era a festa de todo final de ano da Polícia Militar. Aguardávamos ansiosos pelos presentes, pelos sorteios também, A magia da época natalina era contaminada pela emoção e pelo ambiente, um vila, bem cuidada, dentro de uma área reservada para militares e seus familiares. No ano seguinte fui estudar no Colégio Tiradentes, onde fiquei lá até meados dos anos 90. Meus colegas de sala sempre procuramos por um túnel que ligaria o Colégio à sede do 7º Batalhão, nunca o encontramos, mas dizem que está lá. A biblioteca do Colégio Tiradentes e o anfiteatro faziam parte da antiga vila, era a oficina para consertar as máquinas locomotivas. A Vila, como é conhecida por todos na cidade, foi inicialmente o local onde trabalhavam e moravam os funcionários da antiga Estrada-de-Ferro Paracatu, basta ver nas grades do prédio principal as iniciais EFP.

 

Atualmente a área que pertence ao Colégio está bem diferente de anos atrás, a escola precisou crescer e construiu prédios na sua frente e laterais, “sufocando” a antiga oficina. No geral a PMMG tem cuidado bem da arquitetura e fachada dos prédios, a bela bandeira que fica no teto do prédio principal continua imponente, representando a grandeza do Brasil.

 

Mas, como a cada cabeça cabe uma sentença, a cada comando que passa pelo batalhão o mesmo ocorre, pode acontecer de chegar ali um coronel não muito adepto da preservação dos bens públicos e resolver fazer mudanças em algo que não se vê em outros locais das Minas Gerais, eu conheço quase todo o Estado, garanto para meus leitores que não há coisa igual: em se tratando de beleza e resgate do patrimônio histórico.

 

Como pedir não custa nada, fica aqui meu apelo, que é também do meu pai, policial reformado: peço ao atual comando, à Associação de Policiais Reformados de Bom Despacho, à Câmara Municipal e Prefeitura, que façam um movimento para o tombamento no nosso patrimônio histórico que se encontra na Vila Militar. Lembrando que existe uma legislação no Estado de Minas Gerais que favorece os municípios que investem em patrimônio histórico.

 

Rápidas e Rasteiras:

O lixo e as enchentes: um problema que agravou as catástrofes que aconteceram em Santa Catarina, foi o lixo. Quando as águas dos rios do Vale do Itajaí invadiram as cidades, o asfalto que impermeabilizava o solo e o lixo que impedia a passagem e escoamento da água, causaram alagamentos e enchentes nunca vistos antes. Além da coleta seletiva é importante a população organizar a retirada de lixo em seus bairros, evitando que o mesmo se espalhe pelas águas das chuvas.

Convite para posse dos Vereadores e Prefeito: a Câmara Municipal de Bom Despacho convida os munícipes para a cerimônia de posse da 22ª Legislatura e do Prefeito Haroldo Queiroz com seu vice Ronaldo Gontijo, a realizar-se no dia Primeiro de janeiro de 2009, às 20hs.

50 anos de sacerdócio do Padre Jaime: “…a finalidade deste, é para cumprimentar o ilustríssimo Padre Jaime Cançado, que no dia 08/12 próximo comemora 50 anos de sacerdócio.Homem digno e honrado, que abraçou o sacerdócio com todo o ensinamento de Jesus.Obrigado por ter naquela época (anos 70, Roda Viva) me ensinado o valor da ética e do amor ao próximo.” Mensagem por e-mail de Antônio Ribeiro Jr. ao site www.bomdespachomg.com.br .

Mérito Empresarial 2008:  a festa no último dia 29 foi de muito glamour, parabéns aos organizadores e às empresas homenageadas, que a festa incorpore as comemorações de final de ano e fortaleça as atividades dessa importante associação.

Iluminação de Natal na Praça da Matriz: ficou tudo muito bonito, tornando a magia do Natal mais presente nos dias que antecedem a data. A população tem que fazer sua parte, contribuindo para manter preservados os enfeites e luzes.

Caminhada para Conceição do Pará: todo ano no dia de Nossa Senhora da Conceição, dia 8 de dezembro, centenas de fiéis de Bom Despacho e cidades próximas, realizam esse ato de fé e tradição. Este ano seria muito bom que todos orassem para que essa onda de crise mundial vá embora e rápido, a situação está se agravando cada vez mais.

Concurso para Professor na UNIFAL: concurso público para professor da UNIFAL-MG (Alfenas) na área de Direito e Legislação Ambiental/Política e Gestão Ambiental, edital no site www.unifal-mg.edu.br.

Recital de Natal: há treze anos o professo Boleka promove nesta época o recital de Natal com a presença dos seus alunos. Este ano será dia 8 de dezembro no Clube Bom Despacho a partir das 18:30 hs, os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente na Escola Dom Maior, vale a pena conferir!

 

Ítalo Coutinho é Professor do Curso de Gestão Empresarial da UNIPAC, contatos para essa coluna pelo e-mail engenharia@saletto.com.br .

 

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta