Os laudos de vistoria cautelar são importantes para dar garantia a todos os envolvidos no projeto. No caso de obras, estamos falando do investidor (o dono da obra), a construtora (quem mais será questionada) e a vizinhança (formada pela comunidade ao redor do projeto, governo e empresas).

Quando uma obra inicia com ela surgem diversas dúvidas na vizinhança. Além das preocupações com incômodo do barulho, poeira e movimentação de caminhões, existem também os riscos de danos a casas ou prédios ao redor. Uma trinca que não existia, um gesso do teto que quebra, um dano no passeio, tudo isso é possível de ocorrer. Mas como garantir que foi (ou não) causado pela obra?

É preciso um trabalho de Engenharia, com cunho técnico, que irá visitar a obra, sua vizinhança e avaliar os imóveis ao redor antes do início do empreendimento. Vale também para um apartamento que será reformado e seus vizinhos, de lado, de cima e de baixo.

O trabalho para realização do laudo contempla basicamente as etapas de:
Visitar o local previamente e determinar o entorno;
Coletar informações por meio de visitas a cada vizinho ao empreendimento;
Realizar as vistorias por meio de técnicas de engenharia;
Elaborar o laudo de vistoria com embasamento técnico e legal;
Divulgação do laudo para o dono, a construtora e a vizinhança;
Em alguns casos: registro em cartório.
O trabalho conta inclusive com o uso de fotografias aéreas, tiradas por um drone. Com as fotos preliminares em mãos, os Engenheiros podem elaborar a rota do trabalho e aproveitar as imagens para suas conclusões

“A vistoria cautelar tem a função de reunir provas da real situação dos imóveis vizinhos de uma obra com suas características construtivas e estado de conservação. Com ele pode-se resolver litígios entre vizinhos e possíveis danos causados pela obra a edificação vizinha.” – disse o Engenheiro Stéfano Monteiro.

Todo o embasamento técnico do trabalho preciso ser feito por normas e boas práticas da Engenahria. A Norma de Vistoria Cautelar, expedida pelo Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de MG, é uma importante referência.

Antes de construir não deixe de fazer uma vistoria cautelar.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta