Charge retirada do site: http://www.psdb.org.br/e-o-pib-cai-de-novo

Em 2011, ano passado, o PIB (soma de todas as riquezas produzidas no Brasil) cresceu míseros 2,7%. A China chegou a 9,2%. Isso afeta diretamente nossa capacidade produtiva e a geração de empregos. Apesar de termos fechado o ano de 2011, e isso vai também acontecer em 2012, com os menores índices de emprego (próximo de 7% da PEA – população economicamente ativa), tudo não passa de resultados insuficientes para patrocinar a mudança necessária que o país precisa para sair totalmente da condição de sub-desenvolvido.

Veja o quadro abaixo, apontando o PIB dos países que compõem o BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Nosso país ainda tem muito o que aprender com todos eles, principalmente com a China, onde os índices de Educação são cada vez os mais altos, como exemplo simples, a maioria dos Chineses que estão estudando conhecem o idioma nativo (mandarim) e outra língua (nesse caso o Inglês).

PIB em 2011 – BRICS

Para 2012, a presidenta Dilma está pedindo a todos os anjos e santos para chegar em 2%, vai ser muita reza e vela para queimar, pois os indicativos até o momento não são nada positivos. Esperava-se neste ano que a Economia recuperasse perdas de 2011, mas não foi o que aconteceu.

Vale a pena rever os planejamentos, acreditar no nosso trabalho e nossos esforços e bola pra frente. Mesmo assim o ministro Guido Mantega não para de povoar a mídia com boas notícias sobre os índices do País, Dilma continua anunciando novas obras para o PAC e ficam na esperança de que 99% da população acredite que tudo está as mil maravilhas.

Pense nisso e bons projetos!

Painel 

Museu Ferroviário: no dia primeiro de janeiro próximo, um dos eventos da Vissunga Cultural será a visita monitorada para conhecer mais sobre a Estrada de Ferro Paracatu. Nessa ocasião o visitante terá oportunidade de interagir com uma importante história recente para a formação do nosso município. Os Ferroviários e Familiares estão todos convidados a participar. Já estão confirmadas as presenças de Jacksandro Ricardo, historiador, Carolina Moreira, arquiteta e urbanista e especialista em Patrimônio Histório e da Mariana Coelho, funcionária efetiva da prefeitura para o museu. Acontecerá de 8 até as 12 hs da manhã, no Museu Ferroviário, Praça da Estação.

 

Historiador Jacksandro com Roberto Ângelo, apoiadores do Vissunga Cultural 2013
Historiador Jacksandro com Roberto Ângelo, apoiadores do Vissunga Cultural 2013

Museu da Cidade: também no dia Primeiro de Janeiro, outra participação importante que também irá realizar uma visita orientada, será o Professor Jacinto Guerra, grande divulgador da nossa cultura e história. Ele estará no Museu da Cidade apresentando o acervo.

Vissunga2013-2
Professor Jacinto Guerra divulgado seu livro Gente de Bom Despacho

Mais informações sobre a Vissunga Cultural você encontra nos cartazes pela cidade e no site: http://www.facebook.com/pages/Vissunga-Cultural/221853197947192?fref=ts

Presépio da Igreja Matriz: o pessoal que o montou este ano está de parabéns, ficou muito bonito, realça o clima de Natal já contagiando a todos com a iluminação da Praça.

Presépio aguardando a chegada do Menino Jesus no Natal
Presépio aguardando a chegada do Menino Jesus no Natal

Alô da semana: vai para o técnico em Informática Matheus Ferreira, sempre compromissado e dedicado com seus clientes no Bairro São José.

Opinião do Especialista
Segundo a Wikipédia, Networking” é a união dos termos em inglês “Net”, que significa “Rede” e “Working”, que é “Trabalhando”. Em sua forma resumida, significa que quanto maior for a rede de contatos de uma pessoa, maior será a possibilidade de se conseguir uma boa colocação profissional, realizar bons negócios e obter informações .Atualmente o networking deixou de ser apenas troca de cartões pessoais e contatos telefônicos. Existem boas ferramentas online que permitem manter uma rede de relacionamentos profissionais, sem necessitar de sair de sua casa. O mais indicado para quem quer se mostrar ao mundo dos negócios é o LinkedIn, rede social voltada para trabalho, a qual pode ser uma boa pedida pra montar uma rede de contatos mais profissional.Recentemente a revista Exame publicou em seu site seis ferramentas para fazer networking sem sair de casa. Dessas seis, escolhi três, as quais acredito que podem fazer uma grande diferença para os profissionais, sendo:- Atlz (http://www.atlz.com.br/) criada por uma brasileira, é uma rede social profissional no estilo do LinkedIn mas com foco em universitários. A ideia é estabelecer conexão com pessoas interessadas em compartilhar aprendizagem. O usuário também pode seguir empresas e manter contatos com pessoas com interesses profissionais.- WorkSimple (http://getworksimple.com/) nessa rede é possível seguir as pessoas além de poder fazer recomendações e recebê-las ao mesmo tempo. Além disso, você pode adicionar objetivos profissionais e compartilhar com sua rede de contatos. O usuário pode também criar seu portfólio e fazer um perfil individual, de equipe e de empresas.- Camcard (http://www.camcard.com/) Se você é ainda adepto a troca de cartões e considera isso fundamental, o Camcard possibilita isso através de seu celular ou tablet. Ele reconhece as informações e as decodifica, inserindo os dados em sua agenda. Além dessa possibilidade, com o programa você pode criar seu cartão virtual e com isso pode enviá-lo via SMS, e-mail ou através do QR Code.Gostou das opções? Já possui uma rede de contatos? Se não, mãos a obra. Mostre-se ao mundo e garanta boas opções de negócios. Se quiser me adicionar em sua rede no LinkedIn, basta digitar o link e me adicionar http://migre.me/bpM7u
Fale com o Especialista: Wendell Silva – wendell.silvabd@gmail.com

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta